As 5 cenas de sexo que mais causaram polêmica no cinema mundial

Veja a seguir 5 cenas quentes que causaram bastante polêmica da historia do cinema mundial, desde cenas envolvendo de menores até cenas que não estavam dentro do roteiro.

Último Tango em Paris (1972) – Vamos começar pela polêmica que gerou a lista. De acordo com a atriz Maria Schneider, a famosa “cena da manteiga” não estava no roteiro, e foi improvisada no último minuto por Marlon Brando e pelo diretor Bernardo Bertolucci, sem consultá-la. Embora a atriz tenha confessado que suas lagrimas foram verdadeiras e que se sentiu estuprada, nunca foi revelado se houve ou não o ato de sodomia. O filme oi proibido em seu país natal, a Itália, durante mais de uma década.


Irreversível (2002) – Gaspar Noé é tido como um dos diretores mais polêmicos e sexuais do cinema atual, e ele fez questão de mostrar isso logo em seu filme de estreia como diretor, com uma cena de quase dez minutos, mostrando Monica Bellucci sendo brutalmente estuprada em um beco. No Reino Unido, psiquiatras foram consultados sobre se o filme era ou não um estímulo a atos sexuais cruéis. Na Nova Zelândia, foi proibida sua divulgação em vídeo.

A Serbian Film – Terror sem Limites (2010) – O filme passa longe de ser uma obra prima, ou de ser considerado relativamente bom, mas causou polêmica com diversas cenas repugnantes de violência sexual, penetrações bizarras e até o estupro de um bebê. O filme foi proibido em diversos países e foi retirado do RioFan – Festival Fantástico do Rio 2011, por exigência da Caixa Econômica Federal, patrocinadora do evento.


Lolita (1997) – A atriz Dominique Swain tinha apenas 15 anos durante as filmagens de Lolita, mas fazia o papel de uma menina de 12 anos, que mantém relações com o seu padrasto, interpretado por Jeremy Irons. Mesmo que as cenas de sexo tenham sido gravadas com um travesseiro entre os atores, isso não impediu que o filme fosse acusado pela justiça americana de incentivar a pornografia infantil.
Kids (1995) – Mais uma vez o sexo entre adolescentes é o tema de discussão, onde logo na cena inicial uma garota de 12 anos e Telly (Leo Fitzpatrick), de 15 anos fazem sexo, e termina com um estupro embalado por drogas em uma festa. A polêmica foi tanta que o filme mudou de distribuidora, já que a Miramax faz parte do grupo Disney. O filme teve alguns cenas cortadas para que fosse exibido nos cinemas britânicos.

Loading...
Updated: —

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cinco − 1 =